Dia de tubos e novidades no Allianz Caparica Pro

publicado há 12 meses por 0

Pedro Coelho passou o seu heat do round 1  atrás de Ruben Gonzalez mas garantiu-se na fase 2. Photo by Pedro Mestre / Liga MOCHE
Pedro Coelho passou o seu heat do round 1 atrás de Ruben Gonzalez mas garantiu-se na fase 2. Photo by Pedro Mestre / Liga MOCHE

Pelo quarto ano consecutivo a Liga MOCHE passou pela Costa da Caparica, que neste primeiro dia de prova recebeu os melhores surfistas do país com ondas muito boas, pelo menos pela manhã.

O primeiro round feminino entrou primeiro na água e foram as meninas quem usufruiu das melhores condições do dia. Os destaques desta fase vão para as suspeitas do costume, Teresa Bonvalot, Camilla Kemp e Carol Henrique, que venceram com médias altas enquanto que Carina Duarte nem precisou de entrar na água para também avançar para a fase seguinte.

Seguiram-se os trials da prova masculina onde apareceram alguns nomes novos no “tour” como Elohe Alvarez, surfista brasileiro residente no Porto que abriu a sua prestação na Liga com um bom tubo e ainda o alemão residente na Costa Rica, Leon Glatzer, que quando apanhar ondas com “rampas” vai dar alguns dos maiores voos de sempre neste circuito. Infelizmente foram eliminados nesta fase alguns “groms”, como Afonso Antunes, Joaquim Chaves e Martim Paulino, que não fizeram “estragos” nesta etapa mas têm tudo para qualquer dia dominar este e outros circuitos.

As boas condições duraram mais alguns heats e um dos que melhor aproveitou foi Ivo Cação, que sentiu-se em casa na Caparica e deu um grande tubo e mais algumas manobras fortes para vencer o seu heat. O melhor surfista da Caparica da actualidade, Francisco Alves, também venceu o seu heat, surfando soltinho em algumas longas esquerdas e direitas, mantendo-se como um dos favoritos para chegar às fases finais.

Tomás Fernandes e João Moreira fizeram uma boa disputa pelo primeiro lugar e apesar de ter sido o local da Ericeira a vencer, Moreira confirmou que está numa fase excelente e que os bons resultados vão começar a aparecer. O mesmo se passou entre outro júnior, Luís Perloiro, e um “jovem veterano”, Vasco Ribeiro que só virou o resultado a seu favor com uma onda de 7.75 no fim da bateria.

As condições foram piorando ao longo da tarde, principalmente devido ao backwash mas surfistas como Frederico Morais, Tiago Pires, Filipe Jervis, Ruben Gonzalez, Miguel Blanco, Pedro Henrique, Guilherme Fonseca, Gony Zubizarreta e Eduardo Fernandes tiveram vitórias convincentes, avançando assim para a fase seguinte.

O Allianz Caparica Pro continua amanhã, a partir das 7:30 da manhã. Acompanha tudo directo AQUI!

Comentários