Se no primeiro dia do Allianz Figueira Pro a tempestade começou a fazer-se sentir, no segundo dia desta que é a segunda etapa do mais importante circuito de surf em Portugal entrou com muita força e limitou muito a acção na água.

Cedo no dia, com a maré ainda muito vazia as ondas quebravam muito longe de terra, sendo impossível de avançar com os heats. Muitos competidores surfaram as longas mas pequenas esquerdas que quebravam do lado norte do molhe e mais à tarde a prova avançou com o round 2, em ondas continuavam a quebrar longe mas que formavam novamente e proporcionavam algumas manobras. O primeiro heat na água disse muito sobre o tipo de dia de prova que este seria já que Gony Zubizarreta, que já venceu neste local, foi superado por Jácome Correia e Miguel Matos. No heat seguinte era a vez do 3º classificado da etapa anterior, Pedro Coelho, ser surpreendido por Guilherme Fonseca e João Moreira, e logo de seguida Henrique Pyrrait teve mais uma derrota prematura, desta vez às mãos de Tomás Fernandes e Daniel Nóbrega, que está a ser uma das surpresas do evento.

Francisco Alves deve ter sido um dos poucos surfistas contentes com o excesso de ondulação, algo que o favoreceu mais que muitas das provas do ano passado que se realizaram em ondas muito pequenas, passando o seu heat muito perto da pontuação do líder do ranking, Afonso Antunes. Mas, mais uma vez, o performer do dia seria Vasco Ribeiro, que venceu um dos heats mais difíceis do dia. O bicampeão nacional Miguel Blanco e o experiente competidor do circuito QS, Kiron Jabour, disputaram até ao fim o segundo lugar e foi Miguel quem acabou por avançar para o round de 16. Também Diogo Martins venceu o seu heat, deixando Marlon Lipke, que virou o resultado na última onda, em segundo lugar e eliminando Arran Strong e Filipe Jervis. João Kopke e Joaquim Chaves conseguiram superar Francisco Almeida e Francisco Queimado e, para terminar o dia, Guilherme Ribeiro e Martim Nunes dominaram a bateria final, garantindo a qualificação para a fase seguinte sobre Martim Carrasco e Bruno Mendonça.

A categoria feminina não chegou a entrar na água o que deixa para o dia final um número elevado de heats. Um novo call será feito amanhã pelas 7:30 horas. Acompanha tudo em directo AQUI!

Comentários