Chegou ao fim o Cabreiroa Las Americas Pro Tenerife, prova QS 1.500 masculina e feminina realizada nas Canárias. Para o último dia estavam ainda em prova 4 competidores em cada categoria e ainda havia cores portuguesas na feminina.

Carol Henrique fez uma prova brilhante até às meias finais, sendo eliminada por Leticia Canales Bilbao. Pelo seu resultado a residente de Cascais ocupa neste momento o 7º lugar do ranking, a sua melhor posição de sempre. À final, além de Leticia, chegou a local Daniela Boldini, uma surfista com pouca experiência em provas da WSL mas com um backside bem afiado. Nesta que foi apenas a segunda prova QS da sua carreira e a sua primeira final acabou por ser também a sua primeira vitória, vencendo a final mesmo estando a usar uma touca graças a um encontro com as rochas do inside no dia anterior.

Na prova masculina, em que os melhores portugueses foram Vasco Ribeiro e Marlon Lipke, ambos tendo terminado em 5º lugar, os surfistas franceses ocupavam 3 das quatro vagas das meias finais, com dois representantes na final. Paul Cesar Distinguin venceu o primeiro heat com uma nota de 8 pontos, eliminando Thomas Debierre, enquanto que Timothee Bisso despachou o peruano Lucca Messina. Bisso mostrou mais ritmo na final, vencendo apesar de apenas ter surfado 4 ondas.

O circuito segue agora para o Brasil, onde se realiza o Oi Hang Loose Pro Contest, uma prova QS 6.000 realizada em Fernando Noronha que terá a presença de 4 surfistas portugueses. Acompanha tudo em directo entre 19 e 24 de Fevereiro AQUI!

 

 

Comentários