O penúltimo dia do Cabreiroa Las Americas Pro Tenerife foi o melhor em termos de ondas e tanto a prova masculina como a feminina avançou até às meias finais.

A prova começou com dois portugueses no mesmo heat, Vasco Ribeiro e Marlon Lipke, que tinham como adversários o surfista canário Kalani da Silva e o francês Nelson Cloarec. Foi uma bateria muito disputada mas a poucos minutos do fim era Kalani quem liderava, seguido de Lipke, com Ribeiro em 4º lugar. Tudo mudou na troca de ondas seguinte, quando Marlon encheu uma onda de carves para passar para a frente. Vasco tinha prioridade e quando apanhou uma onda com potencial surfou-a com manobras fortes para fazer um back up sólido, passando para a frente e avançando com Marlon em segundo lugar.

Nos quartos de final man-on-man Vasco Ribeiro foi muito selectivo na sua bateria contra Paul Cesar Distinguin. O francês apanhou tudo o que surgia no line up e foi construindo uma liderança confortável. No fim o português já precisava de uma nota alta e só usou a sua prioridade nos segundos finais, numa onda de fraco potencial e em que caiu na última manobra, sendo eliminado a precisar de apenas 7.41 pontos.

Marlon Lipke surfou muito no heat seguinte, fazendo 5 ondas na “casa” dos 7 pontos e ainda uma de 8.03 acabando com uma média que seria suficiente para vencer qualquer outro heat desta fase. Mas não este pois Thomas Debierre fez o melhor heat da sua carreira, pontuando notas de 9.93 e 9.23 pontos para terminar com a melhor média da prova até agora.

Na prova feminina a única surfista portuguesa ainda em prova, Carol Henrique, mais uma vez provou o seu valor. Na primeira troca de ondas Juliette Lacome saiu na frente mas Carol foi melhorando ao longo do heat e quando fechou com uma nota de 7.67 pontos passou para a frente, garantindo assim uma vaga nas meias finais, onde terá como adversária a espanhola Leticia Canales Bilbao.

Acompanha a evolução desta prova em directo AQUI!!

 

Comentários