Chegou ao fim mais uma etapa do circuito de qualificação da WSL, o Senegal Pro.

Em prova neste último dia estavam ainda dois portugueses, Pedro Coelho e Camilla Kemp, ambos em fases bastante avançadas da prova. Primeiro na água esteve Coelho, no heat 4 dos quartos de final man-on-man contra o francês Ian Fontaine. Foi uma bateria muito disputada e no fim os dois empataram com a média de 12.25 pontos. Infelizmente Ian tinha a nota mais alta entre os dois, o que lhe garantiu uma vaga nas meias finais e deixou Pedro em 5º lugar.

A final foi uma bateria 100% goofy, entre a revelação marroquina Aboubakar Bouaouda o e experiente francês da Ilha de Guadalupe, Tim Bisso. No final foi o Bisso quem levou a taça, garantindo assim a sua segunda vitória em apenas 3 etapas do circuito QS em 2019.

Na categoria feminina Camilla Kemp, que já se encontrava nas meias finais, liderou a sua bateria contra Nadia Erostarbe durante algum tempo mas quando a basca fez uma nota de 9 pontos garantiu a vitória, deixando Kemp em 3º lugar. Na final Nadia foi superior à japonesa Emily Nishimoto e garantiu aí a sua primeira vitória no circuito.

Comentários