Caíram as duas últimas guerreiras portuguesas, Kemp e Bonvalot, no Pro Anglet!

publicado há 2 anos por 0

Mesmo com um tubinho destes, Teresa Bonvalot não conseguiu avançar para os quartos de final do Pro Anglet sendo a última portuguesa (juntamente com Camilla Kemp) a cair.
Mesmo com um tubinho destes, Teresa Bonvalot não conseguiu avançar para os quartos de final do Pro Anglet sendo a última portuguesa (juntamente com Camilla Kemp) a cair.

Foi no round 3 que as nossas representantes se despediram deste QS1500.

Depois de um dia de descanso ontem, hoje as competidoras do Pro Anglet voltaram à água. Ainda por terminar estavam quatro heats do round 2 e era no heat 7 que estava Teresa Bonvalot (de relembrar que a outra portuguesa ainda em prova, Camillla Kemp, já se tinha apurado para round 3).

Bonvalot defrontava Justine Dupont, Holly Wawn e Ariane Ochoa, e foi nas suas duas últimas ondas que a surfista do Guincho mostrou todo o seu surf de frontside para garantir um 6.23 seguido de um 5.33, garantindo assim o segundo lugar atrás da francesa, Dupont, e avançando para o round 3 e se juntar a Kemp neste.

Camilla Kemp foi a primeira portuguesa a entrar logo no primeiro heat do round 3 e pela frente tinha a 19ª classificada no WWT, a francesa Pauline Ado, assim como Paige Hareb e Dax McGill. Ado usou a sua experiência e surf do WWT (apesar de este ano não esta lá) para dominar o heat, deixando a luta pelo segundo lugar acesa entre, principalmente, Hareb (que tamebém já pertenceu à elite do surf mundial em 2012) e a portuguesa. Kemp conseguiu no final do heat a melhor onda de toda a bateria, um 6.83, comprovando cada vez mais que o seu surf pode seguir um rumo internacional, mas infelizmente a sua segunda onda, um 3.17, não foi suficiente para lhe garantir a passagem para quartos-de-final, acabando o heat em terceiro.

No heat 3 entrava então a última portuguesa em prova, Teresa Bonvalot. Neste heat, a campeã da Liga MOCHE de 2014 não conseguiu encontrar as ondas certas para mostrar o seu surf, enquanto Mahina Maeda e Stephanie Single batalharam pelo primeiro lugar mas que acabou por ser para a Havaiana, Maeda, devido a um 8.17. Single acabou em segundo e Bonvalot era então a última guerreira portuguesa a abandonar o Pro Anglet, ficando Meah Collins em quarto lugar.

O evento feminino parou por aqui mas, também durante o dia de hoje, realizaram-se mais dois round masculinos estando nesta fase, e já sem portugueses, encontrados os semi-finalistas.

Destaque para eliminação de Nomme Mignot (campeão do Pro Junior e vice-campeão do QS3000 ambos em Lacanau) no round 6. Nos quartos de final a surpresa foi a eliminação do vencedor em Lacanau, Maxime Huscenot para Matea Hiquily, que irá defrontar Andy Criere na segunda meia final. Na primeira meia final, o brasileiro Bino Lopes irá enfrentar Joan Duru, que tem sido o surfista a “abater” neste evento.

O Pro Anglet regressa amanhã e fica atento aqui ao sita da ONFIRE para o resumo do dia!

 

Comentários