Começou ontem à tarde (hora portuguesa) o Vissla World Junior Surfing Championship, prova realizada em Huntington Beach, Califórnia, que decide os novos campeões mundiais das categorias júnior.

Portugal levou mais uma vez uma equipa forte mas alguns dos nossos representantes encontraram dificuldades, principalmente os que competiram mais tarde no dia, em condições “marginais” de meio metro nos sets com formação muito afectada pelo vento on-shore.

Na categoria de Sub18 Masculino tanto José Champalimaud como Guilherme Ribeiro passaram as suas baterias em segundo lugar, atrás Luke Griffin da Nova Zelândia e Malakai Martinez da Costa Rica respectivamente. João Vidal ficou a precisar de uma nota de apenas 3.9 pontos, acabando em 3º atrás de Jack Lee da Nova Zelândia e Keoni Lasa da Venezuela, caindo assim para a repescagem.

Nos Sub16 Masculino Joaquim Chaves fez uma das melhores médias da fase, para deixar Ted Robinson da Nova Zelândia em 2º, enquanto que Afonso Antunes e Martim Paulino, os outros dois representantes lusos nesta categoria, terão que esperar mais um dia para se estrearem na prova.

Na categoria feminina os resultados foram ligeiramente melhores, Mafalda Lopes e Carolina Santos passaram as suas baterias da categoria de Sub18 em primeiro lugar, deixando Tayla de Coning e Maju Freitas, do Brasil, ambas em segundo lugar. Já Matilde Passarinho também “sofreu” pelas condições difíceis que apanhou mais tarde no dia, ficando em 3º lugar a precisar de apenas 2.31 para passar. No entanto já se qualificou para o round 2 da repescagem.

Em Sub16 feminino apenas Gabriela Dinis se estreou, com um 1º lugar, deixando a brasileira Isabela Saldanha em 2º lugar enquanto que Beatriz Carvalho e Francisca Veselko ainda estão por se estrear.

Acompanha a evolução desta prova em directo AQUI!

Comentários