O Pull&Bear Pantin Classic Galicia Pro teve ondas ligeiramente melhores que no dia anterior e a prova avançou bastante.

O round 1 ainda estava por terminar, o que acabou por ocupar grande parte do dia. De seguida a prova entrou no round 2 onde se encontrava Vasco Ribeiro, que tinha como adversários Carloz Munoz, Lucas Silveira e Nomme Mignot. O português apanhou muitas ondas mas nada com grande potencial, enquanto que os seus adversários foram “construindo a casa”. O francês Nomme Mignot parecia estar “iluminado por Deus” e encontrou ondas com secções para fazer manobras fortes, vencendo a bateria. Lucas Silveira ficou num sólido segundo lugar com duas ondas de 7.83 enquanto que Munoz também andava por perto. Nos minutos finais Ribeiro estava fora da disputa por precisava de uma combinação e fechou a sua presença no evento com uma nota de 7 que provou que o surf estava lá.

Pedro Henrique competiu um par de horas mais tarde, no heat 7 contra Ricardo Christie, Michael Rodrigues e Jake Marshall. O surfista de Cascais surfou bem e ficou muito perto da qualificação para a fase seguinte mas acabou por ser surpreendido pelas últimas onda de Rodrigues, enquanto que Christie venceu o heat.

Os grandes destaques desta fase, e do dia, foram os brasileiros Yago Dora, graças ao seu surf progressivo, e William Cardoso, com o seu power surf.

A prova não entrou na categoria feminina, o que deixou Carol Henrique a aguardar mais um dia pela sua oportunidade de derrotar Caroline Marks, Minori Kawai e Melanie Giunta no heat 3 do round de 48.

Acompanha a evolução desta prova em directo AQUI!

 

Comentários

Deixe uma resposta