Apesar da promissora previsão para o primeiro dia do Rip Curl Padang Padang Cup, os convidados tiveram de esperar algumas horas para competir.

As ondas estavam perfeitas mas mais uma vez inconsistentes e pequenas do que se esperava. Para não quebrar o espectáculo de surf a Rip Curl organizou quase sessões de free surfe, dividindo os competidores em quatro grupos. Francisco Alves surfou na terceira sessão, juntamente com três indonésios, Rizal Tanjung, Garut Widiarta , Mustofa Jeksen, o tube rider brasileiro Bruno Santos e o ex-top do WCT, Kekoa Bacalso. Esta foi mais uma oportunidade para o surfista da Caparica “encher a barriga” de tubos, e foi o que fez.

Umas horas mais tarde entrou o primeiro “verdadeiro” heat da prova, mas as três primeiras baterias foram bastante “pobres”. O vento tinha aumentado e as ondas continuavam inconsistentes, mas eventualmente os surfistas começaram a transformar algumas das melhores ondas que apareciam em grandes “scores”.

O primeiro bom heat desta fase foi o quarto, que contava com a presença do português e ainda Mega Semadhi e o jovem australiano Jack Robinson. Francisco mostrou-se muito à vontade e deu dois bons tubos, acabando com a média de 12,50, que seria suficiente para avançar em quase todos os heats deste dia, muitos deles em primeiro.

Mas nesta bateria apenas entraram duas “bombas” e foi logo a seguir a Alves ter apanhado a sua primeira onda boa. Ao regressar para o pico, depois de ter pontuado 6 pontos, Francisco teve de assistir às ondas excelentes, de Mega e Jack, que receberam notas a condizer. Pouco depois ainda fez outro bom tubo, que lhe deu 6.50, mas quando Jack apanhou a sua segunda onda boa conseguiu passa-lo por muito pouco. Já Semadhi tem uma ligação especial com esta onda, tanto que venceu esta prova especial, e conseguiu mais uma nota altíssima e a vitória.

Assim sendo Francisco Alves foi eliminado, mas representou muito bem Portugal e a Europa. O Rip Curl Cup Padang Padang regressa dentro de horas, não deixes de acompanhar tudo em directo AQUI.

Comentários

Os comentários estão fechados.