12 de 14 surfistas lusos seguem no main event do EuroSurf Junior | Dias 3 & 4

publicado há 1 mês por 0

12-de-14-competidores-seguem-no-main-event

O objectivo de chegar ao título Europeu está cada vez mais perto para a selecção lusa. O dia 3 do EuroSurf Junior teve início às 8h30 da manhã, e Madalena Guerra, no escalão sub18, foi a primeira atleta a entrar na água e a disputar o seu heat de bodyboard com sucesso, passando para a ronda seguinte. No longboard, João Gama estreou-se na competição com manobras que não deixaram margem para dúvida aos seus oponentes. O atleta de 18 anos e atual campeão nacional júnior de longboard venceu o heat e definiu que é um dos grandes candidatos à vitória.

No surf, Guilherme Ribeiro (sub14) competiu com Adur Amatriain (Espanha) e Stan Norman (Inglaterra) e, embora não tenha conseguido alcançar um score que o permitisse continuar em prova no evento principal, a competição possibilita aos atletas disputarem uma segunda vida e o surfista poderá voltar a competir nas repescagens.

Já os atletas Afonso Antunes (sub14), Francisca Veselko e Mafalda Lopes (sub18) não cederam à pressão e mantêm-se no main event.

No quarto dia o grande destaque foi mais uma vez nível de surf apresentado pelos atletas da seleção nacional. Afonso Antunes, escalão sub14, João Vidal e Salvador Couto, nos sub16, Francisca Veselko, Mafalda Lopes, Luís Perloiro e Jácome Correia, no escalão sub18, garantiram a passagem à meia-final do campeonato europeu júnior de surf. O longboarder João Gama foi o único surfista que não conseguiu alcançar um score suficientemente alto para disputar os heats da etapa seguinte. No entanto, o atual campeão nacional da categoria sub18 vai voltar a entrar em prova amanhã através da segunda vida do campeonato.

“Estamos a mais um passo de um grande sonho. Estamos orgulhosos da qualidade de surf dos nossos atletas e consideramos que somos uma seleção que reúne todas as condições necessárias para fazermos a diferença neste campeonato,” afirma David Raimundo, selecionador nacional.

João Jardim Aranha, presidente da Federação Portuguesa de Surf, conclui que “um dia fantástico e extremamente positivo para as aspirações da seleção nacional conquistar o título europeu”.

No panorama geral, de 14 atletas, Portugal ainda não viu nenhum dos seus atletas eliminados, contando com apenas dois nas repescagens – Guilherme Ribeiro (surf, sub14) e João Gama, que vão competir amanhã de manhã, a par dos bodyboarders Miguel Ferreira e David Vedor – sub1-, Isaac Moreira e André Rodrigues –sub18.

Comentários