Pelo quarto dia consecutivo o Pro Santa Cruz presented by Oakley arrancou logo pela manhã, desta vez com menos vento e ondas um pouco mais pequenas. Mais uma vez as esquerdas mostravam mais potencial e foi nelas que foram surfadas quase todas as ondas de relevância da manhã.

Logo no segundo heat do dia estava Miguel Blanco, que tinha como adversários Ramzi Boukhiam, Gatieen Delahaye e Santiago Muniz. Foi o português quem abriu melhor, conseguindo 6.5 com um forte snap e um reentry a projectar muita água. O seu back up poderia ter sido um pouco melhor, o que permitiu que o marroquino Ramzi lhe passasse à frente. Gatien e Santiago não conseguiram acompanhar o ritmo e foram eliminados.

Poucas horas depois foi a vez de Frederico Morais voltar a vencer, num heat em que tinha como adversários Rafael Teixeira, Maxime Huscenot e Shane Sykes. O surfista de Cascais está numa forma incrível e mais uma vez fez parecer fácil, pontuando bem logo desde a sua primeira e quando fez a melhor onda do heat, um 6.5, passou para a frente e não largou mais da liderança. O brasileiro, Teixeira, que ao longo de toda esta prova tem enfrentado o frio de fato curto, passou em segundo lugar.

E como não há 2, sem 3, Pedro Henrique competiu no heat seguinte e também teve sucesso. “Pedrinho” tinha um dos heats mais difíceis da fase, contra o seed número 1 do evento, Kanoa Igarashi, o “bombástico” francês, Marc Lacomare, e a jovem bombinha brasileira, Samuel Pupo. Foi uma bateria com notas bastante fortes para as condições deste dia e Kanoa apenas surfou quatro ondas, mas todas com notas boas. Igarashi venceu a bateria mas foi o Henrique quem fez a melhor nota. A precisar de apenas 3 pontos para segundo lugar Pedrinho encheu uma esquerda de manobras fortes, recebendo a nota de 7.33 e quando melhorou o seu back up garantiu a sua qualificação para a fase seguinte.

Outro grande destaque deste dia foi o aussie Ryan Callinan, um surfista que claramente merece regressar ao CT e que, com um surf muito moderno, venceu a sua bateria. Entretanto as condições foram piorando e a organização deu por finalizado o dia de prova quando terminou o último heat desta fase. O Pro Santa Cruz presented by Oakley regressa amanhã, acompanha evolução desta prova em directo AQUI!

Heats com surfistas portugueses
Round 6
Heat 2 | Charly Quivront x Miguel Pupo  x Frederico Morais x Miguel Blanco
Heat 4 | Ryan Callinan x Pedro Henrique x Marcos Correa x Yuri Gonçalves

 

Comentários